segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Vidas Passadas+Antepassados=Karmas


Karma é uma palavra em sâncrito e quer dizer: Ação.
Lei de causa e efeito, que é aplicável a bons e maus atos e suas repercussões, sendo assim o karma é apenas ação, pois a reação já está embutida em qualquer ação, sendo parte indissociável da mesma..

Falando um pouco dos maus atos, se detalharmos mais, vemos que karma é o resultado de mau comportamento e atos negativos que praticamos em vidas anteriores, ou seja,os karmas da vida atual é a consequência dos atos praticados nas vidas anteriores. Porém seus atos negativos e maus comportamentos nas vidas anteriores é que vão definir que em que família você irá nascer no futuro, e quando nascemos neste mundo herdamos os karmas dos nossos antepassados desta família que agora pertencemos, e são os karmas dos antepassados que constituem nossos karmas nesta vida, e não os maus atos praticados nas vidas passadas que irão se transformar diretamente em nossos karmas da vida atual. Em suma são os karmas dos nossos antepassados que desempenham um papel fundamental muito grande na nossa vida atual.

Metaforicamente somos como as chaves,suas ranhuras e dentes (códigos) são os nossos karmas de vidas pretéritas, e a fechadura seria a família que agora pertencemos, pois para pertencermos a ela precisamos ter uma afinidade de nossos karmas de vidas passadas com os karmas que esta família possuiu, ou seja quando a chave é colocada em uma fechadura, seus códigos são alinhados com os códigos que existe dentro da mesma...permitindo assim o encontro perfeito para que se "abra a porta"...

Os karmas dos antepassados são as vibrações espirituais negativas emitidas pelos espíritos dos nossos antepassados que estão em sofrimento, sendo assim é absolutamente impossível eliminar nossos karmas, mudar radicalmente o rumo do nosso destino, abandonando os espíritos em sofrimento de nossos antepassados.

De forma geral os antepassados que estão em intenso sofrimento são aqueles que morreram de causas como:

Mortes anormais como: suicídio, assassinato, acidente;
Morte com sofrimento intenso, como: câncer, avc, e os que morreram imobilizados no leito;
Morte por doenças psíquicas, ou cujo paradeiro foi dado como desconhecido ou incerto;
Aquele que morreu odiando ou sendo odiado intensamente;
Espíritos de crianças abortadas, e todos aqueles que tiveram morte indigna ou infeliz.

Sendo assim, todos nós temos entre nossos antepassados, espíritos que estão em sofrimento intenso e cabe a nós ajuda-los a sair deste terrível estado...

Por Bárbara Ribeiro

"Esforça-te pelo que é bom antes de te encontrares em perigo, antes que a dor te domine e antes que a mente perca a vitalidade" Kularnava Tantra, I, 27.

0 comentários:

Postar um comentário