quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Consequências espirituais do ABORTO

Olá pessoal, devido aos meus estudos e pesquisas sobre os Ancestrais (Antepassados), sempre assisto muitos filmes e documentários japoneses e chineses. Claro, não tem a qualidade dos filmes Hollywoodianos, tem um certo exageiro em certas cenas, porém estes filmes realmente retratam muito bem problemas espirituais ligados a antepassados e abortos e fica bem mais simples para muitas pessoas que tem interesse em resolver seus problemas espirituais entender muitas coisas assitindo esses filmes, pois consegue ter uma noção mais clara sobre o assunto em questão. Em minhas consultas sempre procuro explicar ao cliente a importância dos antepassados, as consequências quando nossos ancestrais estão em sofrimento e que esta dor sentida por eles pode ter uma grande influência maléfica em nossas vidas.
Depois deste breve comentário que indicar para você, querido leitor do Blog da Bárbara Ribeiro um filme chinês muito interessante que mostra as consequências espirituais do ABORTO.

Filme: Forget Me Not

Título Original: Forget Me Not
Gênero: Terror
Tempo de Duração: 94 min
Ano de Lançamento: 2010
Sinopse: Lam Yee é uma professora que não consegue lembrar de nada que lhe aconteceu antes dos 15 anos de idade. Ela descobriu que o seu marido tem outra mulher,entao volta para sua casa onde viveu quando era adolescente e conhece uma criança abandonada andando pela rua. Suspeitando que a criança pode ser um dos alunos de sua escola, cujos pais morreram repentinamente de um acidente de carro, ela cuida da criança como se fosse dela. Quando o tratamento médico tradicional não cura a doença da criança elabusca ajuda em um ritual tradicional chinês chamado ”Chamando a Alma”. É uma cerimônia que expulsa o mal, o demônio que assustou a alma da criança e tomou o corpo. A cerimônia revela a verdadeira identidade da criança, que, para sua surpresa, está relacionada ao seu passado misterioso.

*Quem não conseguir achar este filme para assistir, envie-me um e-mail!

Um grande abraço a todos!

Por Bárbara Ribeiro

0 comentários:

Postar um comentário