sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Karma que prejudica a sorte do filho

Este karma é uma variedade de karma de conflito entre familiares e parentes consanguíneos, no qual os pais prejudicam a força vital do próprio filho. Como consequência, o filho esta sempre doentio, nasce com deficiência física ou se torna um deficiente físico. Em muitos casos a criança morre antes de atingir os 10 anos de idade.

Se o filho possuir uma forca vital extremamente forte, começara ter uma vida desregrada e fugira de casa ainda jovem. Isso acontece porque, vivendo com os pais, sua força vital definha e, para evitar o perigo, acaba fugindo de casa (evidentemente, a pessoa não tem conhecimento desse fato).

Muitas medidas contra a delinquência juvenil estão sendo estudadas, entretanto é importante que os pais se conscientizem da existência desse tipo de condição kármica.

Tanto o pai quanto a mãe, se for portador deste karma, inevitavelmente o filho demonstrará uma rebeldia anormal. Naturalmente, é fato que durante a fase de crescimento da criança existe um período caracterizado por uma rebeldia natural ligada a determinada etapa do desenvolvimento humano. Mas a rebeldia causada por esse karma é anormal.

Pais que possuem filhos delinquentes, viciados em drogas ou os que possuem filhos que de forma anormal não lhes dão ouvidos, devem verificar, antes de mais nada, se são possuidores ou não deste karma.

Este karma é oriundo, na maioria dos casos, de espíritos de crianças abortadas.

Fonte: Livro - Quais os carmas que as pessoas possuem? - Seiyu Kiriyama

0 comentários:

Postar um comentário